Prefeitura segue na reparação dos estragos causados pela chuva na cidade

Melhorias nas estradas rurais serão executadas quando terminar o período chuvoso
Publicado em: 22 de Março de 2019 . Última Atualização: 22 de Março de 2019


A forte chuva que caiu em Itapecerica no dia 14 de março causou grandes estragos na cidade. Assim que o temporal passou, foi iniciada uma grande frente de trabalho para sanar os problemas. Até o momento, foram sete dias de ações intensas, que englobaram a limpeza e a lavagem das vias, com a retirada de entulho, pedras, barro e areia. As árvores e moitas de bambu que caíram ao longo do leito do rio Vermelho foram retiradas após vistoria da Defesa Civil e foi realizada a limpeza de córregos na área central. Além disso, está em execução a reconstituição do calçamento nas ruas onde a chuva danificou o pavimento.

O trabalho ainda continuará por algumas semanas, até que a situação seja totalmente normalizada. Na próxima semana, será empreendida uma grande operação tapa-buracos, com a aplicação de mais de 80 toneladas de revestimento asfáltico CBUQ em toda a cidade e nos distritos. Os trabalhos deverão ser adiados caso o tempo esteja chuvoso.

Além das ações da administração municipal, é importante que toda a população se conscientize e colabore para manter a cidade limpa, uma vez que o lixo descartado e depositado em locais e horários inapropriados é um dos fatores que dificultam o escoamento de água pelos bueiros e provocam alagamentos. Além de lixo, muitos bueiros foram entupidos com concreto devido a obras mal executadas em imóveis particulares. Por fim, um fator preponderante para a ocorrência de alagamentos é a falta de planejamento e a autorização de construção de loteamentos sem a implantação de rede de drenagem pluvial.

Zona rural

Muitas estradas da extensa zona rural de Itapecerica encontram-se em mau estado devido às intensas chuvas que vêm caindo na região desde o final de 2018 e ainda não cessaram. Passado o período chuvoso, a Prefeitura dará início a uma grande frente de trabalho para recuperação das estradas, com previsão de início no dia 15 de abril, e todas as comunidades receberão as melhorias necessárias.

"Iniciar as benfeitorias enquanto ainda está chovendo seria um desperdício de dinheiro e de mão de obra e não iria surtir os resultados esperados, o que não condiz com a linha de trabalho da administração municipal. Espero que todos compreendam e aguardem o momento oportuno para o início dos procedimentos nas estradas rurais", afirmou o prefeito Wirley Reis.

 




TAG's: Reparação, estragos, chuva, cidade

Inicial | Voltar
Link permanente: